sexta-feira, 8 de julho de 2011

Meu pecado

Em dias que estive onde,
não sei por onde estive.
Mas quanto custa o homem
que se apaixona por ti?
Quero a pele que é sua,
sangue e veneno.
Quero teu líquido
teu pior e melhor lado.
Vestir-lhe toda nua,
nos sonhos mais errados.
Não que seja culpa sua,
mas amar-lhe é meu pecado.
Felipe Azevedo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hello Galerinha!!!
chegou a hora de dar a sua opinião, ela é importante para o blog
XOXO